Informações sobre planos
Curitiba (41) 3340-8787
Porto Alegre (51) 3333-6000
Rio de Janeiro 4000-1987

Dezembro Laranja: cuide da sua pele e tenha mais saúde

Ecco Salva apoia a ideia e conscientiza as pessoas sobre os benefícios do combate ao câncer de pele

“Isso é só um sinal, já tenho um tempão e nunca me incomodou.” Provavelmente você já ouviu ou até mesmo disse algo parecido com a frase anterior se referindo a um sinal na pele ou uma ‘pintinha’. Mas o que muita gente acha apenas um charme pode indicar a presença de um câncer de pele. Exatamente para conscientizar à população sobre a importância da prevenção desde cedo e alertar para os sinais que ajudam no diagnóstico e tratamento precoces. A Ecco Salva apoia divulgando a campanha e buscando promover a conscientização das pessoas por meio de seus canais de comunicação.

O câncer de pele é provocado pelo crescimento anormal de suas células. Existem diferentes tipos e que podem se manifestar de formas distintas, sendo os mais comuns denominados carcinoma basocelular e carcinoma espinocelular – chamados de câncer não melanoma – e que apresentam altos percentuais de cura se diagnosticados e tratados precocemente. Um terceiro tipo, o melanoma, apesar de não ser o mais incidente, é o mais agressivo e potencialmente letal. Mas que quando descoberta no início, a doença tem mais de 90% de chance de cura.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), 30% de todos os tumores malignos do Brasil correspondem ao câncer da pele. Para o biênio 2018/2019, a estimativa é de mais de 165 mil novos casos de câncer da pele não melanoma. Outro dado é que a doença acomete mais homens do que mulheres.

A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) esclarece que a exposição excessiva e sem proteção ao sol é o principal fator de risco que pode desencadear a doença. “Pode se manifestar como uma pinta ou mancha, geralmente acastanhada ou enegrecida; como uma pápula ou nódulo avermelhado, cor da pele e perolado (brilhoso); ou como uma ferida que não cicatriza”, diz Jade Cury Martins, Coordenadora do Departamento de Oncologia Cutânea da SBD.

Por isso, a SBD orienta que as pessoas se examinem com regularidade, consultando um dermatologista em caso de suspeita. Também é importante que examine familiares, pois muitas vezes os cânceres podem aparecer em regiões que não é possível reconhecer sozinho. Ao se expor ao sol, é importante que as áreas descobertas estejam protegidas, mesmo em dias frios e nublados.

A melhor forma de evitar a doença é a prevenção! Mas o autoexame não substitui a ida ao médico dermatologista.

Cuide da sua pele

1- Use protetor solar todo dia, não só nos momentos de lazer.
2-Use chapéu, óculos de sol, roupas para proteção
3- Filtro solar com FPS 30, no mínimo
4- Evite os horários de alta radiação, das 10h às 16h