Informações sobre planos
Curitiba (41) 3340-8787
Porto Alegre (51) 3333-6000
Rio de Janeiro 4000-1987

Fadiga: aprenda como evitar e sair dela

Com o aumento das tarefas no trabalho, cada vez pessoas fadigadas e afetam sua saúde e
seu bem-estar

Sente-se com mal-estar normalmente?
Sente dor de cabeça com frequência?
Notou que está com irritabilidade, lapsos e perda de memória?
Percebe-se menos assertivo e preciso?

Se você respondeu sim para mais de uma destas perguntas, é possível que esteja passando por uma fadiga.

Mas, o que é fadiga?

Fadiga é o nome que se dá a um sintoma que está caracterizado pela sensação de desgaste, cansaço e falta de energia.

Quando se está assim, ocorre uma alteração no estado de vigília e perde-se a capacidade de realizar tarefas de forma segura, como consequência de dormir muito pouco ou mal. Nesta condição,
costumamos trabalhar em horários que estaríamos dormindo e assumimos tarefas e grande esforço mental ou físico.

Sabia que o sono afeta seu rendimento e sua saúde?

A quantidade e a qualidade das horas de sono à noite afetam diretamente seu estado de saúde. Às vezes não damos a importância necessário ao ato de dormir. Mas há muitos benefícios em ter o
hábito de dormir bem:

1- Quando dorme recupera todas as condições físicas e consolida o aprendizado do dia;
2- Melhora seu ânimo e sua imunidade;
3- Sua mente se regenera na etapa de sonho REM, assim como seu rendimento físico e cognitivo.0

Fique atento! Alguns maus hábitos que podem gerar fadiga:

– Dormir menos de sete horas por dia
– Tem dois ou mais trabalhos;
– Ficar acordado por mais de 17 horas por dia;
– Sacrificar o sono por outras atividades, como trabalho, estudo ou lazer;
– Consumir alguma substância psicoativa como álcool, tabaco e cigarro;
– Ter alguma desordem ou transtorno de sono, como insônia, sono curto, ronco, apneia;
– Trabalhar em turnos noturnos.

RISCOS NO DIA A DIA

Realizar atividades com sono repercute no seu trabalho. Por exemplo, pode se atrasar no horário de chagada ao trabalho, aumentar as lesões, cometer mais erros e ser mais ausente das suas atividades.

A fadiga tem relação direta com os acidentes de trabalho. Segundo a Fundação Nacional do Sono dos Estados Unidos, aumenta em 70% a probabilidade de se envolver em um acidente. Os trabalhadores com insônia crônica têm uma taxa maior de acidentalidade e quase o dobro de chance de sofrer um acidente fatal.

Outras consequências a longo prazo são:

– Dificuldades de lidar com o estresse;
– Deterioração da capacidade de pensar e aprender;
– Diminuição da atenção;
– Menor concentração;
– Ineficiência na tomada de decisões
– Perda da memória.

Os efeitos acumulativos da perda e dos transtornos do sono representam um problema de saúde, que tem se associado a uma gama ampla de consequências para a saúde, incluindo maior propensão a hipertensão, diabetes, obesidade, depressão e AVC.

MELHORE SEUS HÁBITOS DE SONO PARA EVITAR A FADIGA

É muito importante praticar o autocuidado, pois só você é responsável por sua saúde. Siga estas dicas:

– Vá deitar-se e se levante na mesma hora todos os dias;
– Faça exercícios regularmente;
– Faça uma dieta equilibrada;
– Use sua cama apenas para dormir, não para ver televisão, ler ou trabalhar
– Se está sem sono, não vá para cama. Tente antes ler ou fazer algo tranquilo;
– Evite consumir cafeína, tabaco ou álcool antes de deitar
– Tire o som do celular
– Peça aos seus familiares para respeitar quem está dormindo e evitar barulhos;
– Deixe seu quarto o mais escuro possível
– Durante o trabalho, faça pausas ativas, como jogar dama e xadrez, ou pausas cognitivas, como montar quebra-cabeças e fazer palavras cruzadas. Estas pausas vão ajudar a melhorar a atenção, a concentração e a memória;

Cuidar está nas suas mãos!