Informações sobre planos
Curitiba (41) 3340-8787
Porto Alegre (51) 3333-6000
Rio de Janeiro 4000-1987

Você também fica muito em frente à tela?

Conheça dicas para proteger sua visão enquanto estuda, trabalha ou se diverte em seus dispositivos de tecnologia

Devido à contingência gerada pelo covid-19, muitas pessoas mudaram seus estudos e tarefas de trabalho para o mundo virtual. Isso, somado ao isolamento, aumentou a exposição às telas: desde a realização de reuniões e aulas por videochamada até estar mais atento ao celular e assistir filmes e séries.

Embora não haja evidências de que o uso prolongado de telas seja um fator que prejudique permanentemente a sua visão, causa desconforto aos olhos que, talvez, você não esteja consciente, além de afetar o ciclo natural de vigília e sono.

Listamos algumas medidas para proteger a sua visão caso sinta desconforto. O mais aconselhável, porém, é consultar um especialista.

Cuide de seus olhos contra o excesso de luz azul das telas com as seguintes sugestões:

Aplique a regra 20-20-20: mude o ponto onde seus olhos estão fixos a cada 20 minutos para trazê-los para um objeto que está a 20 pés (seis metros) de distância por 20 segundos. Isso evita espasmos de acomodação (visão turva para ver de longe depois de muito tempo com foco próximo).

Regule o tempo que seus filhos passam diante das telas: de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), crianças menores de três anos não devem usar telas e crianças entre três e quatro anos podem assisti-las por no máximo uma hora. O uso excessivo cria um risco maior de desenvolver miopia quando as crianças estão se desenvolvendo.

Quem usa lentes de contato deve seguir as mesmas recomendações: além disso, não pode dormir com elas e deve alternar o uso com óculos para descansar, limpar e lubrificar as lentes.

Fonte: Sura • Colombia
Foto de Eren Li no Pexels